jusbrasil.com.br
26 de Novembro de 2020

Como funciona a guarda compartilhada?

Gustavo Tormes Gonçalves, Advogado
há 27 dias

Considerada por muitos o principal tipo de guarda utilizada pelos operadores do direito (volte alguns posts atrás e veja “quem fica com a guarda dos filhos no divórcio?”), a guarda compartilhada não é apenas a divisão igualitária de tempo dos filhos com os pais.

A guarda compartilhada tem como principal característica a responsabilização de ambos os pais nos cuidados e na tomada de decisão sobre os assuntos que dizem respeito aos filhos que têm em comum.

Isso quer dizer que ambos os pais terão direitos e deveres iguais, participando de todo o processo de crescimento dos filhos.

Na guarda compartilhada também temos a divisão de tempo com os filhos, mas que não necessariamente precisa ser igual, mas sim equilibrada, sempre tendo em mente o que os filhos querem e o que vai ser melhor para eles.

Assim, os pais devem conversar e entender qual é a melhor solução para ter os filhos por perto.

Não é como muitos pensam, que o filho ficará na casa do pai por 03 dias e depois na da mãe por outros 03 dias, e assim sucessivamente (isso é guarda alternada, que não vem sendo aplicada no Brasil).

Os filhos também terão um lugar fixo para morar. O lugar será escolhido com base no que melhor será para as crianças, levando em consideração os seus interesses.

Por exemplo, normalmente é escolhido o lar que fica mais perto da escola em que os filhos estudam, perto dos lugares onde eles praticam suas atividades, o ambiente que for mais propenso para eles. Também pode ser levado em consideração qual dos pais tem mais tempo e melhor atende aos cuidados que os filhos precisam.

EM CASO DE DÚVIDAS, DEIXE SEU COMENTÁRIO LOGO ABAIXO!

ME SIGA NO INSTAGRAM: @advogadogustavotormes

0 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)